Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

É apenas um louco

Quatro janelas, quatro cortinas
E o poeta com suas cismas
Tecidos leves do teto ao chão
Os devaneios e grandes vãos

Tecendo rimas no entre panos
Vislumbra noivas  nos cortinados
As da direita sempre  compostas
Aceitam encargos e posição

As da esquerda aceitam o vento
No chamamento proclamam e investem
Vestem intempéries enfrentam o tempo
Avançam a rua e se fazem em dobras

Das noivas o mundo entende
Mas dos  ventos nem tanto
E o poeta ensimesmado ausculta corações
Das noivas e dos ventos

Mas perde a razão
De medicina não entende
Das noivas e dos  ventos tão pouco
O poeta é apenas um louco


 
Regina Romeiro
Enviado por Regina Romeiro em 29/10/2007
Reeditado em 19/11/2007
Código do texto: T715454

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Regina Romeiro
São Sebastião - São Paulo - Brasil
483 textos (29663 leituras)
4 áudios (711 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 18:11)
Regina Romeiro