Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O DESABAFO DE UMA ESTRELA


           
 
                Ary Bueno [ O Príncipe dos poemas e do amor ]
 
Sou a estrela que cintila, perdida na amplidão
Buscando no escuro da noite, o brilho de teu olhar
Sonho nesta viagem pelo espaço, em triste solidão
Em uma noite feliz, a ti poder enfim, eu encontrar

A viagem atravessa os tempos, é longo o meu viver
Mas neste espaço infinito, caminho assim a sofrer
Pelo universo, sem fim, buscando neste meu correr
A luz que pode um dia, evitar de no escuro eu morrer
 
Vejo tantas outras estrelas, perdendo seu brilho, o vigor
Que  como eu, caminha pelo infinito buscando o amor
Sob  o etéreo manto da luz tênue desta galáxia tão fria
Aonde nunca se sabe se já é noite ou se já é novo dia
 
E assim vago sem rumo,  sem destino, sem direção
Sempre buscando a luz do amor um dia vir a encontrar
Mas pena que nós estrelas,  não temos este tal coração
Que os humanos tem, para saber, o que é na verdade... amar...
   
 
Principe dos poemas e do amor
Enviado por Principe dos poemas e do amor em 01/11/2007
Código do texto: T718673
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Principe dos poemas e do amor
Aquidauana - Mato Grosso do Sul - Brasil
873 textos (106746 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 19:01)
Principe dos poemas e do amor