Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ROMANCE

De vez em quando tenho saudades
Daquele lenço de seda azul perfumado.
Foi ai que a conheci. Sonhei com ele.
Sinto seu aroma delicado. Seu aroma...
Sinto o seu calor. A sua finura.
Sinto você usando-o. foi um sonho.
Pensava que eram momentos
Momentos de brincadeiras
Uma brincadeira de criança. Mas não era.
Era um jogo. O jogo da vida: a nossa.
Tornou-se um romance
Só que neste romance foi diferente
Pois todos os romances acabam num final feliz
Mas o nosso não. Foi o contrario: infeliz...
Não sei qual de nós sofreu mais
Mas alguém tem que sofrer
Neste começou num simples lenço perfumado
E terminou sem o lenço. Que fim deu no lenço?
Não sei. Sumiu pois acho que não suportou
Tantas lágrimas derramadas por um amor perdido.
Alias, ate para enxugar das lágrimas foi num lenço azul.
Só que não foi o seu – a de uma mulher
Foi o meu – o de um homem.
E você nem percebeu.
Que tristeza e chateação.
Na desilusão eu sofri...
zizo
Enviado por zizo em 01/11/2007
Código do texto: T718681
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
zizo
Cubatão - São Paulo - Brasil, 60 anos
697 textos (28644 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 02:19)
zizo