Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IDIOFATURA

Não me digo comunista, meu caro
Mas cheiramos a petróleo sanguinolento,
Tento te tirar de seu cubo e isso é raro
A fumaça saí e o ritmo não é lento.

Olhe com simplicidade,
Perceba como anda a mocidade,
Como decai nossa cidade,
Do que importa a pouca idade?

Teu movimento fugiu da ideologia
Nossos jovens repetem a cena de “Tempos Modernos”
Nada parece ainda ter magia
E ele só se preocupa em adquirir novos ternos.

Que individualismo é esse amor?
O tempo passa e a gente cresce
Não carece de tanto rancor..
Vanessa Bornemann
Enviado por Vanessa Bornemann em 02/11/2007
Código do texto: T720203

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vanessa Bornemann
Mafra - Santa Catarina - Brasil, 26 anos
2 textos (69 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 02:57)
Vanessa Bornemann