Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POETA

Paira no ar
Uma incógnita
Provável insanidade
Aragem fina que me vibra

Sabem teus versos
Que as intenções decifram
Vontades, e na fala de um raio lunar
O meu quarto adentra
Certa e esperada palavra indizível
Pra que eu tenha talvez,
O tom que carregue
Ao meu céu de olhar
Em acrílico, salpicados
Cristais de chuva
Se no encanto matizado e além
Na claridade
Entre os sonhos onde respirarmos
O cheiro da madrugada aventurar-se
Pelos irrefletidos sentires
De corpos que se queiram usar-se
Em poesia inteiramente.
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 02/11/2007
Reeditado em 13/04/2009
Código do texto: T720967

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48064 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 07:37)
Tânia Regina Voigt