Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que eu gostava de ser!


Quando eu era pequeno,
Queria ser bombeiro.
Ficava encantado,
Com todo aquele barulho das sirenes.
Mas depois comecei a pensar,
Bombeiro, não sei apagar fogos.
Pensei, e decidi que queria ser enfermeiro.
Tratar de pessoas, ser útil,
Também não, não gosto de ver sangue.
Depois de Muito pensar,
Disse! Quero ser padre.
Era tão bonito,
Ser o representante de Deus,
Aqui na terra,
Mas logo desisti,
Porque padre tem uma vida muito só.
Já sei! É a coisa mais simples!
Quero ser eu,
Eu próprio,
Com todos os meus defeitos,
E todas as minhas qualidades.
Foi assim que Deus quis que eu fosse.
Se Ele me fez desta maneira,
Pois assim será.
Não vou procurar mais.
Agora, com esta idade,
Continuo a ser eu,
Com todos os meus defeitos,
E com todas as minhas qualidades.
Carlos Jorge Gomes Candan
Enviado por Carlos Jorge Gomes Candan em 04/11/2007
Código do texto: T722498

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Jorge Gomes Candan
Portugal
51 textos (1408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 04:27)
Carlos Jorge Gomes Candan