Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PASSARO FLORIDO




Deixe que tua lua profetize o meu porvir.
Que, quando eu mastigar as sílabas do meu
destino, a tua aragem deixe pegadas no meu
livro literário.
Então; quando minhas tardes estiverem com solidão
e sem sóis, tu possas erigir o teu canto celeste
sobre minhas asas cinzentas, e no resto do meio-dia
o teu pássaro florido possa aparecer em vôos voando
sobre a minha taça vazia.

ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 05/11/2007
Código do texto: T724322
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
ALBERTO ARAÚJO
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
3130 textos (157615 leituras)
33 áudios (3188 audições)
35 e-livros (6651 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 19:48)
ALBERTO ARAÚJO

Site do Escritor