Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sinto no escuro silencioso,
nas sombras sem fim de toda noite,
O peito farto, ansioso, belicoso,
cansado. Atormentado por açoite.

Que ingenuidade acreditar
que tudo seria diferente
que tinha direito ao amor,
que acabaria, enfim, toda dor.

O sorriso, hoje, insulta
o carinho faz sofrer
cada pincelada no quadro avulta,
o que deixou de ser um querer.

As nuvens continuam a castelar,
o vento sopra, faz lembrar:
o que sei ser melhor esquecer.
Rosana Rogeri
Enviado por Rosana Rogeri em 05/11/2007
Reeditado em 06/11/2007
Código do texto: T724974

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosana Rogeri
Campinas - São Paulo - Brasil
100 textos (5017 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 19:25)
Rosana Rogeri