Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Procura

Procura

Ao nascer do dia,
Eu te juro vou
Ao raiar do sol,
Eu te juro vou
Ao reluzir das luzes,
Eu te juro vou
Vida!!!!!
Vida essa que me sufoca e asfixia.
Deixe-me respirar,
afinal também tenho direito.
Mais com certeza tenho convicção
que a medida que continuo afundo.
E é por isso que a cada passo avaliado eu respiro,
para que possa flutuar me estabilizando e nivelando.
É com a persistência no avanço em si,
que as chaves vão sendo encontradas,
e com elas,
vamos poder abrir as portas,
inclusive a da nossa FELICIDADE.

JB
“Actus legitimi conditionem non recipiunt neque diem”
( Os atos legítimos não dependem de condição, nem de dia. )

Rio 2007

hbarros
Enviado por hbarros em 06/11/2007
Reeditado em 02/09/2012
Código do texto: T725603
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
hbarros
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 60 anos
1339 textos (28691 leituras)
1 áudios (14 audições)
1 e-livros (7 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 19:11)
hbarros