Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Essas Tempestades

Ai!
Essa chuva que passou e derrubou tudo que havia sido levantado
Meses de trabalho para conseguir conquistar e se orgulhar do que fazia
Mesmo assim sem avisar veio à tempestade
Desabou o que nos sustentava

Aquele calor que fazia já mostrava o que viria depois
Todos aqueles dias que mesmo nublado não chovia
Nunca com os relâmpagos e trovões que agrediam nossos ouvidos
Nunca nos inundando com tudo que carregava

Até o final da vida há de existir muita chuva, muita tempestade passará...
Porque somente não nos prevenimos, já que sabemos que elas virão?
Nossa burrice em não pensar no que acontecerá no futuro e somente viver o presente
Esse é nosso pecado, mesmo estando correto.
Fabio Melato
Enviado por Fabio Melato em 06/11/2007
Reeditado em 06/11/2007
Código do texto: T726528

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabio Melato
Taubaté - São Paulo - Brasil, 33 anos
37 textos (2308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 05:23)
Fabio Melato