Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poetas- Ajudem o Darfur

Darfur


Se Darfur quase rima com amor
Não pode rimar com guerra,
Então porquê tanta dor
Naquela distante e linda terra.

Será porque poderosos senhores,
Proclamadores de novas esperanças,
Pensam existir maiores valores
Que a vida de milhares de crianças.

Ou serão os negócios envolvidos
Que os deixam manietados,
Ficando, hipocritamente, escondidos
Observando o mar de corpos mutilados.

E os que, invocando direitos humanos,
Tão rapidamente actuaram no Kosovo,
Mas permitem que há já tantos anos
Se assista ao genocídio deste povo.

Nem as constantes barbaridades
Os demove da sua inflexível letargia,
E quando não podem esconder as verdades
Argumentam que não sabem. Hipocrisia.

Valeu a esta pobre gente, abandonada,
A fé e o empenho de quem enfrentou
A besta que, devidamente autorizada,
Tanta, e tanta, gente inocente assassinou.

Mas a besta não irá levar a melhor,
Será vencida por uma arma bem potente
Que começou numa corrente de amor
E fará do Darfur terra de futuro e presente.
 
FrancisFerreira
FrancisFerreira
Enviado por FrancisFerreira em 08/11/2007
Reeditado em 20/01/2008
Código do texto: T728683

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FrancisFerreira
Portugal, 59 anos
637 textos (32145 leituras)
4 áudios (101 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 18:00)
FrancisFerreira