Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

meu livro

coloque-o na prateleira
direitinho
livre-o da incompreensão
da poeira
não acredite na besteira
que dizem as traças
sobre devorá-lo
ao longo do tempo
não o olhe com desalento
pois ele poderá confundir
com aplauso
ou quem sabe até sentir
certo orgulho
não o confunda com entulho
isso deixe pra mim
que o considero assim
como algo improvável,
desnecessário e estranho
podia ser feito de estanho
mas é do conteúdo e tamanho
da desimportância do autor


Rio, 30/10/2007
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 09/11/2007
Código do texto: T729521

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6776 textos (146841 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 09:00)