Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando passam as horas

Quando passam as horas,
Por vezes não noto o tempo passar...
Segundos...Minutos...Que se vão embora,
E tempos perdidos, não posso alcançar...
~
Quiçá, a rainha do tempo me perdoe,
Dando-me de presente o que deixei de viver.
Mas se não puder, espero que não me caçoe,
Porque ainda não deixei de crer...
~
Pois acredito nas palavras do vento!
No argumento do tempo, no espelho das horas.
Acredito no futuro, quando passa a ser momento,
E nas despedidas, quando alguém vai embora...
~
E assim quando as horas passam, eu sinto!
Como se me afogasse num copo de verdades...
Embriagando-me com o doce de seu absinto,
Para não perceber o adiantar de minha idade...
~
Não sou homem suficiente para encarar a morte,
Tenho medo que um dia o diabo queira me levar...
Mas morrer, não é apenas uma questão de sorte,
E sim de tempo, quando ele silenciosamente passar...
~
Pois quando passam as horas, o relógio trabalha...
E passam, mesmo quando ele se encontra parado...
Os ponteiros são lâminas ao qual o tempo retalha,
Transformando o momento presente em passado!

Marco Ramos
Marco Ramos
Enviado por Marco Ramos em 18/11/2005
Código do texto: T73112
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Ramos
Salvador - Bahia - Brasil, 47 anos
242 textos (16666 leituras)
5 áudios (355 audições)
3 e-livros (406 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 19:01)
Marco Ramos