Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EXCESSO DE BAGAGEM

Oi, meu amigo,
Estou falando com você pois
Te vi passar hoje.
 
Não trazia nada nas mãos,
Nem sequer a costumeira mochila nas costas.
No entanto o andar carquilhado, pesado
fazia lembrar alguém que carregava
excesso de bagagem.

Onde se escondia essa bagagem
extra e tão desnecessária?

Ela tirou-lhe o sorriso,
escondeu-lhe a beleza
e trancou-lhe no sarcófago da desesperança.

Fiquei triste ao te ver assim,
Olhei para o céu e pedi
que as forças positivas do Universo
naquele momento aliviassem seu fardo.

Desejei-lhe sorte e alegria!!!

Às vezes, meu querido amigo,
Redirecionar o foco da nossa atenção
se faz necessário
Para podermos ver novos horizontes
e possibilidades que o olhar
fixado no dilema em que
nossa mente atua não nos permite ver.

O que te escrevo serve para mim
e para todos que em algum momento da vida,
Como cavalos carregando antolhos,
olhou apenas em uma direção.

Retire os antolhos,
olhe para novas direções e possibilidades
e sinta que apesar de tudo a vida é bela
e que vale a pena viver.

Alivie o excesso de bagagem e seja feliz!
Sandra Alves da Cruz
Enviado por Sandra Alves da Cruz em 11/11/2007
Código do texto: T732839

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sandra Alves da Cruz
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
21 textos (1287 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 11:52)