Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Canção do Exílio

                        A 15 de Novembro

As aves que aqui crocitam,
crocitam como nenhuma igual.

As aves que aqui chegaram:
colonizaram.
As aves que aqui viviam:
não vivem mais.

As aves espalhafatosas:
dominaram.

E os rouxinóis,
vivem exilados em sua terra natal.
Thiago Folador
Enviado por Thiago Folador em 15/11/2007
Código do texto: T737962

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Thiago Folador). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Folador
Mongaguá - São Paulo - Brasil, 27 anos
8 textos (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:32)