Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Criança

ah! criança teu país é um campo inimigo, dorme enquanto é cedo , você verá um  futuro trazendo novidades, saberas do medo;
 Me tirem essa vergonha , sua curiosidade não é má, é só um  encanto ausente que nos dias de insônia sentes  ; o inverso do que pensas será teu amigo na força e aviso de cuidado pressentido , eu vi a morte brincando de perigo , me armei sozinho num jogo que revive e volta e se esconde no caminho;
Criança,  ama nos teus sonhos ,trás mais esperança  , espalhando com teus olhos tranquilos e guerreiros de simplicidade , a coragem , a verdade e a paz que eu nem vejo mais;
Vendo a tua luta como é pequena e pesada , meu corpo travado feito morto no escuro do quarto ,aponta pra  uma energia, que é a  solução, conselho , atenção , carinho e  emoção que não tem fim e me agrada tão quanto é a linda alvorada que semeamos.
paulo manuel silva
Enviado por paulo manuel silva em 15/11/2007
Reeditado em 15/11/2007
Código do texto: T738904

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
paulo manuel silva
Belém - Pará - Brasil, 27 anos
367 textos (8903 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 04:26)
paulo manuel silva