Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cadeado da alma

Me arranha e me prende junto a você
rouba minhas palavras e diz que tudo que fiz
nunca foi pra você...
depois me deixa sozinha
pensando nos meus pecados...
e dentro da solidão
crio fantasias
onde flutuo num balão
e vejo tudo por outro angulo
coisa sem nexo ou sem razão.
Me penduro por uma corda
e vou descendo...
Então deparo comigo
presa sem vontade
junto a você
que não me quer
mas me mantem refém
apenas pra me fazer sofre...
satisfazer sua vontade
sem pudor e sem piedade
de me magoar...
o que faço agora?!
não posso nem sonhar
que sempre me encontro perdida
presa nesse inferno
de não amar.

 
ANALI
Enviado por ANALI em 19/11/2007
Reeditado em 20/11/2007
Código do texto: T743243
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ANALI
Januária - Minas Gerais - Brasil, 33 anos
56 textos (1852 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 13:37)
ANALI