Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dias...

Beijo a flor da madrugada, orvalhada!
Lembrança dos teus lábios vermelhos molhados
Há quem dera você aqui nos meus braços
Novamente ocupar todo meu espaço.

Observo a lua se apagar em despedida
Parece entender o meu desalento
As sombras da noite vão se dissipando
No horizonte o sol vem despontando.

Coloco as mãos nos bolsos e vou caminhando
O banco da praça ali plantado distanciando
Em suas tabuas frias rastro de saudade
Os bem-te-vis fazem coro a minha passagem.

Novo dia desponta imponente e brilhante
Coloco o blusão nos ombros abro a camisa
No peito dolorido de amor todo calor
A vida acorda apressada repleta de clamor.

Jamaveira


Jamaveira
Enviado por Jamaveira em 24/11/2007
Reeditado em 24/11/2007
Código do texto: T750540
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jamaveira
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 63 anos
1943 textos (97636 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 20:16)