Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O brazil não conhece o Brasil.

Brasil!
Pobre rico Brasil!
Nunca teve tão próximo de se destacar,
Depois de tanta luta, chegou a hora.
Vamos, você consegue, força.
Vá se juntar aos grandes,
Tomar cafezinho com os nobres,
Tomar chá das cinco, comprar MP3 e DVD,
Comer X-Burguer, Chisburguer e, é claro, tomar Coca-Cola.
Vamos Brasil!
Vamos olhar para baixo e sentir dó daqueles que são Pólo de comoção mundial.
Olhar para frente e vêr um futuro próspero, uma mera (i)magem refletida daqueles que querem a "Paz entre as nações".
Vamos sair do anonimato e sair da (Sub)existência e entrar de cabeça no canibalismo capitalista.
E os cidadãos de baixa renda ( Pobres ), mão de obra necessária (Barata), para o crescimento da nação.
Olá ricos ( fantoches ), bem sucedidos em seus Palacetes internacionais construído com o suor e o sangue de seus filhos.
Brasil, não olhe para trás e siga em frente; siga a luz; siga o lado cinza da força; pise em tudo e em todos; os fracos morrem e os fortes sobrevivem, é a lei da natureza ( Selva de pedra ).
Brasil, Brasil, Brazil, não sabe onde está se metendo.
Brazil, Brasil, Brazil, Tu não sabes o que fazes.
Brazil, pobre rico Brasil.
Alan Brito de Mello
Enviado por Alan Brito de Mello em 24/11/2007
Reeditado em 26/11/2007
Código do texto: T751166

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Alanbrito de mello) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alan Brito de Mello
Poá - São Paulo - Brasil, 28 anos
183 textos (7438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:15)