Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem me Dera


Quem me dera
Se os dias fossem trevas
Se as pessoas fossem vultos
E tudo fosse o escuro

Quem me dera
Se os pássaros fossem mudos
E não houvesse futuro
Nem esperança de um novo mundo

Quem me dera
Se as pessoas não sorrissem
E os mares fossem feitos de lágrimas
Que os inocentes derramaram
A esperança que eles tinham
Levando tudo o que fora construído

Quem me dera
Que a chuva atingisse
As nossas almas e lavassem os pensamentos
Fazendo com que tudo seja belo
E a maldade humana pudesse ter fim
Talythaa Duarte
Enviado por Talythaa Duarte em 25/11/2007
Código do texto: T752733
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Talythaa Duarte
São Paulo - São Paulo - Brasil
17 textos (577 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 03:32)
Talythaa Duarte