Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A loucura do teu jeito

Na loucura do teu jeito...
Conseguiste me mostrar teus medos e  teus desejos.
Consegui me apropriar dos teus sonhos...
És louco, mas tem medo...
De viver a vida como deve ser vivida...
Com sonhos realizados...
Aventuras superadas.
Teus sonhos são pequenos e montados...
Deverias fechar os olhos e levitar.
Olhas só para dentro...
Por isso não consegues.
Estas desperdiçando o que és mais belo...
A vida.
Se somente queres existir digas;
Daí vou te dar um “porre”.
Sei que es de carne e osso...
E eu queria poder te levar daqui.
Sonhas com um futuro programado...
Lamenta-se pelo passado;
E se tudo der errado?
Vais te desesperar?
Será que consegues pular?
És covarde ou louco?
Agora prefiro a covardia.
Tua felicidade é a euforia de uma criança...
Tua tristeza um velório sem fim.
Se te libertares das regras...
Que seja comigo.
Quero te mostrar a minha loucura...
Sem programações, pois é espontânea...
Sem conseqüências, pois sou eu e tu.
No meio de toda a tua loucura...
Consegui enxergar que sou tua...
Por causa da tua loucura...
Decifrei tua vida...
Bela e com pouca emoção;
Feliz mas com pouca tristeza.
Quero te dar um pouco de mim para ficar completa...
A loucura do teu jeito.



Letícia Coelho
Enviado por Letícia Coelho em 26/11/2007
Código do texto: T754189

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria Letícia Coelho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Letícia Coelho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 35 anos
8 textos (310 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 12:51)
Letícia Coelho