Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo !...Sai de mim

**OS DOMINADORES DA ALMA**




Medo!... Sai de mim.

Medo!..
Medo de mim.
Desta tristeza profunda.
Que me abisma.
Que me embarga.
Que me morde.
Que parece eternizar-se.
E nunca mais me prescindir.
Medo escondido!..
Raivoso, cobarde.
Que me espreita!
Se deleita.
Quando prevê.
Que é a saudade.
Que me mortifica
Limitada .
Aprisionada
Pois que é quando ele!...
Rastejante..
Se apodera de mim.
E até penso, que sou eu!
Que o desacata.
E, com este medo, que me mata.
Fico então.
Cega inebriada.
Fecho os olhos, e aninhada!..
A um canto, da mansarda…
E cubro-me, da dor.
Do temor, que se acerca de mim.
Parece-me vê-lo; assombrando,
o que resta de mim.
Ele, que me rouba o sossego.
Que me aniquila a vontade.
A minha resistente solidez
Medo!...Sai de mim!.....

De t,ta
28-11-07
Tetita
Enviado por Tetita em 28/11/2007
Reeditado em 29/11/2007
Código do texto: T756477

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tetita
Setúbal - Setúbal - Portugal
1397 textos (80125 leituras)
65 e-livros (5625 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 20:16)
Tetita