Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não sei esperar

Não sei esperar

Por mais que eu diga que não sei esperar
Eu sou obrigada a esperar
Por mais que eu diga que não quero amar
Eu fui gerada pra amar
Por mais que eu diga que não tenho esperança
No fundo existe um grão de esperança
Espero um amor que não chega
Movida por uma esperança que não se acaba
Regida por um universo de incerteza
Corroída por dúvidas e questionamentos
Que desnorteiam meus pensamentos
Penso em alguém quem não chegou
Reflito no passado que se findou

Não suporto esperar, mas espero.
Não queria amar, mas amo.
Não queria sonhar, mas sonho.
Não queria chorar, mas chora.
Superei o amor perdido
Superei as quedas e me ergui
Só não supero essa palavra “esperar”
Esperar quem?Até Quando é Por quê?
Não sei a resposta,
 Vou ter que esperar
A vida se pronunciar.

Maria Gabriela Rodrigues
(28/11/07)

Maria Gabriela
Enviado por Maria Gabriela em 28/11/2007
Código do texto: T756954
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Gabriela
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 34 anos
194 textos (32456 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:25)
Maria Gabriela