Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

METAMORFOSE DO POETA




Quando triste em palavras me despetalo

....Entre o bem e o mal me quer

Meu ser é mutante, tem muitas estações

Que mudam varias vezes num dia

...Ou duram anos sem me transformar

Tal qual  o mar, crio ondas ao vento...

...Arrebento aos pés da praia da paixão
 
Vago vazio e morro sedento...

...Sou deserto, sem o oásis da inspiração

Terra fértil semeada com versos...

...Amazônia poética quando me regam o coração.




Hedonico
Enviado por Hedonico em 28/11/2007
Código do texto: T756982
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hedonico
Salvador - Bahia - Brasil, 47 anos
1107 textos (32822 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 16:18)
Hedonico