Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INEXISTÊNCIA

Transeuntes, trafegantes ecoando imelódicos
Sangram cadentes pelo asfalto sem chão ou teto,
Órfãos gélidos soturnos percorrendo a vida no escuro,
Insensatos açoitados pelo medo e pela dor,
Ignorados do mundo,
Das eleiçoes ppel de fundo...
Desesperançados sem tutor,
Carregam seu pranto, histórias, desencantos,
Memórias que a loucura da solidão desmorona
Numa despedida potrefada,
Esquecida em qualquer calçada,
Sem brilho, sem cor.
Mônicka Christi
Enviado por Mônicka Christi em 29/11/2007
Reeditado em 12/07/2008
Código do texto: T757379
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mônicka Christi
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1344 textos (25456 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 20:03)
Mônicka Christi