Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Término

Ah, se nós estamos no meio do caminho.
E se já aceitamos ser mais um sozinho.
Não consigo ver onde o erro está.

É, não sei. Pode ser a nossa teimosia
De querer tudo como foi um dia.
Mas é difícil, nunca se fará.

Naquelas manhãs existia a certeza,
De que não mais haveria tristeza.
O pior dos meus erros foi acreditar.

Doces manhãs à sombra de nossas lembranças.
No passado ficaram as minhas esperanças.
E aquilo, o que se foi, jamais voltará.

Perdidos na sombra que levou a aurora
Não pense mais no que seriamos agora,
O que nos separou não vai relevar.

Deixe-me! Não acredito mais nesse amor.
Pois só herdei, dele, esta dor
Que me faz ver:

-Não fomos capazes de amar.


09 de outubro de 1995.

Valter Vargas
Enviado por Valter Vargas em 29/11/2007
Reeditado em 08/02/2008
Código do texto: T757711
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Valter Vargas
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil
36 textos (1217 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 09:39)
Valter Vargas