Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ele...

Ele já não sabia amar,
preso em um corpo cansado,
a alma lhe tentado escapar.

E eu,
eu amava tanto ela,
ela que não podia me ver.

Eu tomei as suas dores,
e revivi seus amores.
Procurei entender o que ti destruíu,
eu compreendi a tua mágoa, a tua busca...
e isto tudo (a tua vida, poesia, e morte; morte prematura)
me corroeu.

Mas levo teu retrato comigo...na minha imaginação.
HANABELA
Enviado por HANABELA em 02/12/2007
Código do texto: T761815

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HANABELA
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 29 anos
353 textos (11835 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 14:15)
HANABELA