Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cegueira

A tola cegueira humana se apresenta
Em farpas agudas, cortantes
Em minha garganta
Sangrando o corte aparente, recrudescendo.
A tudo contagiando, gritante dor.

A tola cegueira humana se agiganta
Rompendo limites, obstáculos tais
Irrompendo nas ruas, praças, casas
Atropelando a vida, furiosa, incontrolável como certos animais.

A imensa cegueira humana mata ou aprisiona
A todos envolvendo, arma letal.
Levando para longe a harmonia, a paz e o amor.
Tirando a cor das aquarelas, propagando o horror.

Assim a cegueira se instala, como se eterna
Com seus tentáculos enormes, apavorantes
Quem dera a visão retornasse, grande vencedora
Retornando a Luz, brilhante e forte como antes...
gelbatere
Enviado por gelbatere em 02/12/2007
Código do texto: T761896

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
gelbatere
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
64 textos (1457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 21:52)
gelbatere