Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

na pele, na alma

Neste momento escrevo oque sinto
Tristeza insolene, coração fatigado
Ancio pelo novo e agora pressinto
Desesperado,coração espera rogado

Mudei os termos, adapto me sozinho
Propus novas regras,mudei o jogo
Suportar é dificil,sedentário caminho
Ardente desejo,voraz como fogo

O passado que volta por vezes agrada
Por vezes destroça, calculo o tempo
Tempos meus que afogam a alma
Persistem os sonhos, trazidos ao vento

Num quarto vazio,paredes me falam
Oque queres, oque fazes aqui?
Não sei responder,peço que calam
A mente cansada,a vida é assim
vanderleu
Enviado por vanderleu em 04/12/2007
Reeditado em 17/12/2007
Código do texto: T763956

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
vanderleu
Mogi das Cruzes - São Paulo - Brasil, 45 anos
35 textos (1181 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 13:21)
vanderleu