Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao poeta

Assim como você poeta
Vivo a procura do meu EU
Vivo a procura de sonhos
Penso e vivo a procura
De um caso que já morreu.

Procuro, procuro...
E se acho eu descubro
muitas outras procuras
Que nunca chegam ao fim
Aí eu fico pensando
Que o que eu vivo procurando
Deve estar em algum jardim.

Mas que loucura é essa? Escuto
Pare de se torturar!
E aí percebo quietinha, no meu canto
Tão sozinha...
Que é um eterno buscar.

Assim como tu poeta.
Busco o mais difícil
A paz que perdi...não sei...

Jandira Mendes Coelho
Enviado por Jandira Mendes Coelho em 05/12/2007
Código do texto: T766346

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jandira Mendes Coelho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
358 textos (15964 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:34)
Jandira Mendes Coelho