Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Debates Poéticos = Com MIGUEL TORGA

Miguel Torga = Adolfo Rocha - Médico
Nado em 1907 - São Martinho da Anta - Sabrosa
Viveu, trabalhou e morreu em Coimbra em 1995.

BRASIL

Pátria de imigração.
É num poema que te posso ter...
A terra - possessiva inspiração;
E os rios - como versos a correr.

Achada na longínqua meninice,
Perdida na perdida juventude,
Guardei-te como podia:
Na doce quietude
Da força represada da poesia.

E assim consigo ver-te
Como te sinto:
Na doirada moldura da lembrança,
O retrato da pura imensidade
A que dei a possível semelhança
Com palavras e rimas de saudade.

Miguel Torga

MOÇAMBIQUE

Oh... Mestre, que emoção.
Com que então
Capinador, apanhador de café,
Vaqueiro, caçador de cobras
Em Minas Gerais
E ainda deu tempo
Para lograr doutoramento em Coimbra !...

Como é que um rapazote
Depois de calejar e alagar as mãos
Em banhos de suor
Teve ainda jeito para manejar
Delicadamente uma seringa ?...

Oh... Senhor Doutor
Como terá sido belo
Haver aprendido a pronunciar "Brasil"
Tal qual é, gostosamente,
Brasa suave
Na ponta da língua sem queimar...

Nascemos queimados de saudade,
Nascemos presos a ser isto,
Meninos amarrados à cruz de Cristo,
Feitos com Ele à cabeceira,
Que asneira... Só visto!...

Eu... Mestre,
Permaneço de saudade a pique
No mar da desolação:
Após trinta anos
Ainda sonho por consolação
Que mergulho no Índico
E adormeço sobre as límpidas areias
Da Ilha de Moçambique.
António Torre da Guia
Enviado por António Torre da Guia em 01/12/2005
Código do texto: T79628
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
António Torre da Guia
Porto - Porto - Portugal, 77 anos
8 textos (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:14)
António Torre da Guia