Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando você voltar a ter esperança

Já não sinto os pés no chão
Fujo sempre de mim
Quando você não está aqui
Não há esperança é o que dizem
Pessoas fugindo de suas próprias vidas
Não tenho mais medo de te perder
Aprendi a esperar você voltar a ter esperança
O corpo sente desejo
A alma pede perdão
Mãos tocam indecisas
A alma pede descanso
Volta pro seu abrigo
E cultiva a semente que cura
O vicio, a solidão e a incerteza
A coragem abandona o coração
Então perdemos o domínio
Sobre o que é certo dizer
Mas longe das palavras o que sinto
E quando você voltar a ter esperança
Não estará mais sozinha.

Márcio Carneiro
Enviado por Márcio Carneiro em 04/12/2005
Código do texto: T80855
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Márcio Carneiro
Santo Antônio de Jesus - Bahia - Brasil, 40 anos
16 textos (613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:08)
Márcio Carneiro