Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao velho viajante

Não fuja da liberdade
Não pense que estou sozinho
Existem outras pessoas iguais a você
Hoje eu fiquei escutando
Djavan, R.E.M e legião
Depois caminhei sozinho
Vendo outras paisagens
Tive novos sonhos
Iguais aos do velho viajante
Que sempre passa e vai
Levando consigo
A vontade de nunca parar
Não pense que estou sozinho
Pois não penso em parar
E jamais esqueci o conselho
Que você mesmo me deu
Nada é para sempre
Não estou fugindo
Só quero ficar sozinho
Pra entender o que sinto
Não é preciso acreditar em tudo eu digo
Pois todos mentem
Até para evitar a dor
Não fuja da liberdade
Pois não penso em parar
Hoje eu só quis caminhar sozinho.
Márcio Carneiro
Enviado por Márcio Carneiro em 04/12/2005
Código do texto: T80860
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Márcio Carneiro
Santo Antônio de Jesus - Bahia - Brasil, 40 anos
16 textos (613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:44)
Márcio Carneiro