Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cantiga de abandono




elisasantos

 

Ninou-me a cantiga!

Um refrão encantado

Por um anjo entoado

De ternura tomado

Sutil, delicado!


Ninou-me a cantiga!

No colo abrigada,

protegida, amada,

fechei a cortina,

a janela para a vida

Cerrei, embevecida...

Com mágico cantar!



Num cavalo alado,

trotando apressado

Para vôo alcançar

Partiste...

Caminhos escondidos

Por nuvens cinzentas,

quisera sabê-los

Ninou-me a cantiga!




Acordada... reflito

Quando voltarás?

Ninou-me a cantiga!



elisasantos
Enviado por elisasantos em 08/12/2005
Código do texto: T82377

Áudio
Cantiga de abandono - elisasantos
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
elisasantos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
430 textos (24472 leituras)
1 áudios (91 audições)
4 e-livros (163 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:24)
elisasantos