Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERDAS

O que mais me espanta ultimamente
é a clara percepção de que
quanto mais nos apegamos as boas coisas
maior se torna  o receio de as perder.
Tenho dado valor ao companheirismo
tenho sentido falta da família.
tenho conhecido tantos lugares bonitos.
e sonho viajando sempre e mais.
Nestes dias ouvi a descrição perfeita a meu respeito
Procuro não guardar no coração, coisas ruins.
mas por ser humana, fico insegura.
Embora o futuro sei, não dependa de mim.
Escrevendo agora, minha mente percorre estradas.
Tardes de sol, verdes campos, céu azul.
Que deliciosa  é esta sensação
Pego-me então, em devaneio
Fico constantemente a imaginar...
Como seria bom poder controlar minha vida.
Como pássaro, voar, voar,voar
Bater asas, e deixar-me levar pelo vento.
à um destino fixo, à algum lugar.
Célia F
Enviado por Célia F em 13/12/2005
Código do texto: T85607
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Célia F
Diadema - São Paulo - Brasil, 57 anos
130 textos (4683 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:04)
Célia F