Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEMPO E LETRAS

O ano é novo, todo ano, mas o velho me persegue a cada dia.
Meu velho pode ser novo, tanto quanto ao ano novo que se inicia.
Minhas letras são meras feras perdidas no tempo, feridas velhas...
Minhas feridas são letras partidas alçadas ao mundo e ao vento.
Meu ano novo não copia os dias que se foram, que me amarram.
Não tenho letras amarradas ao novo nem ao velho, só letras ...
Sou tão novo quanto o velho porque tenho as letras que preciso,
Porque o velho tem as letras que organizo apesar do tempo.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 05/01/2006
Reeditado em 05/01/2006
Código do texto: T94818
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
732 textos (54101 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:29)
Jose Carlos Cavalcante