Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esvaecida

Outra vez aquele vazio
O dono do defunto contrito
E o vizinho chorando alto e muito
Interrupta alegria
Queria o não afetar
O nada causa
O não importa
Não dá
Tristeza como enchente
Inundando veias
Minha avenida cheia
Silêncio
Posso falar
Pra quê
Não há mesmo..nem mais o que dizer
Tatiana Cobbett
Enviado por Tatiana Cobbett em 06/01/2006
Reeditado em 06/01/2006
Código do texto: T95269
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Cobbett
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 56 anos
586 textos (22009 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:20)
Tatiana Cobbett