Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chuva De Verão


Olhei para ti,
Meu coração disparou.
Os olhos sorriram,
Minha alma se iluminou.
Me olhas-te,
Vi em teus olhos o que senti em mim,
Magia no ar.
Desejos a flor da pele,
Nada nos dissemos,
Nossas bocas se procuraram,
Ás mãos se encontraram.
Corpos ardentes,
A doce loucura tomou conta de nós.
Paixão desenfreada,
O mundo deixou de existir,
Éramos só nós no universo,
Unidos em um só compasso,
Sem medo,
Sem juízo,
Deixemos saciar os desejos.
Foi como chuva de verão,
Veio sem aviso,
Devastando tudo a sua frente,
Revirando nossas vidas,
Nos fazendo sentir vivos.
A chuva passou!
Saudade ficou...


Beijos "ÐäMå Ðë ÑëG®ö"


***
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 09/01/2006
Reeditado em 09/01/2006
Código do texto: T96416

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146140 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:38)
Dama De Negro