Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONHOS





Não me queiram hipócrita, tão pouco demagogo...

Sou às vezes poeta, as veses nada, as vezes louco.

Escrevo por muita ou pouca verdade, sonho e fantasia.

Choro ou sorrio meu ódio, não a noite, mas sempre ao dia.

Sou escravo da vontade de poder ter minha voz sonhada.

Sou honesto com tudo que vejo, e deixo minha voz guardada.

Meus sonhos me escravisam me relendo noite e dia,

Mas me libertam quando me permitem apenas uma poesia.







Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 12/01/2006
Código do texto: T97768
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
730 textos (54065 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:19)
Jose Carlos Cavalcante