Capa
Cadastro
Textos
햡dios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TOM COELHO - RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL - EVOLU플O, CONSCIENTIZA플O E A플O

De acordo com publicitário e economista, sobram retóricas e faltam ações práticas para um planeta viável pelo ponto de vista da sustentabilidade

Publicitário, economista e atual conselheiro do CONSOCIAL – Conselho Superior de Responsabilidade Social da FIESP – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, Tom Coelho procurou dividir sua palestra “Responsabilidade Socioambiental – Evolução, Conscientização e Ação” durante o XI CONSIG – Congresso de Sindicalismo Global, em duas etapas reflexivas: a primeira sobre a importância do tema, e a segunda sobre as ações práticas, de conscientização socioambiental, que estão ao alcance de cada indivíduo. Por meio de gráficos, além de humoradas imagens e vídeos ilustrativos, ele dissertou sobre a evolução da vida no planeta, enfatizando, principalmente, o aumento populacional e a necessidade de geração de recursos para atender mais de 7 bilhões de habitantes. “Nós levamos 1800 anos para que o planeta atingisse o primeiro bilhão de pessoas; agora, a cada 13 anos em média, a população aumenta em 1 bilhão”, afirma, salientando que, de acordo com as estatísticas e à taxa de natalidade, esse número pode chegar a 10 bilhões até 2050.

Diante disso, como alimentar tanta gente? Segundo o palestrante, que também é mestre em Gestão Integrada em Saúde no Trabalho e Meio Ambiente, a industrialização é o único caminho capaz de gerar recursos em quantidade suficiente para atender a população mundial. “Hoje, o Brasil experimenta um nível de consumo equivalente ao que os Estados Unidos experimentavam na década de 1960”, compara. No entanto, ele afirma que é o próprio consumo que mantém a economia aquecida e protegida da crise global. “Se você não compra, não é bem visto socialmente”, complementa, para depois soltar uma frase bem-humorada: “Aliás, status é comprar coisas que você não quer com o dinheiro que você não tem, para mostrar a quem você não gosta uma pessoa que você não é”, brinca.

Tom Coelho ressaltou, também, o baixo nível de reciclagem – atualmente, apenas 1% do lixo brasileiro é reaproveitado –, e o resultado, em sua opinião, frustrante da Rio+20 – Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável. “Estamos em tempos de muita retórica e poucas ações práticas”, alerta.

Como mediadores, Antonio Jorge Gomes, vice-presidente do SINTEC-RJ – Sindicato dos Técnicos Industriais de Nível Médio do Estado do Rio de Janeiro, e Luzimar Pereira da Silva, presidente do SINTEC-DF – Sindicato dos Técnicos Industriais de Nível Médio do Distrito Federal, entregaram a placa ao palestrante pela participação no congresso.

Fonte: SINTEC-SP em Revista - Edição 154
http://www.sintecsp.org.br/Revistas/SINTEC-SP%20EM%20REVISTA%20154_pdf.pdf

COPYRIGHT © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Para a aquisição desse texto para fins de qualquer natureza – inclusive para reprodução, trabalhos profissionais ou acadêmicos –, favor entrar em contato pelo e-mail jdmorbidelli@estadao.com.br.

Agradeço se puder deixar um comentário.

JDM
facebook.com/jdmorbidelli
Jos Donizetti Morbidelli
Enviado por Jos Donizetti Morbidelli em 05/12/2012
Reeditado em 06/12/2012
Cdigo do texto: T4020830
Classifica豫o de contedo: seguro

Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Jos Donizetti Morbidelli
So Paulo - So Paulo - Brasil
219 textos (685792 leituras)
24 e-livros (1548 leituras)
(estatsticas atualizadas diariamente - ltima atualiza豫o em 28/07/21 00:20)
Jos Donizetti Morbidelli