Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os Altares

O momento nos convida a  continuidade a série " Vilões da Bíblia " e a subcategoria " soberanos rebeldes ", nesse momento escrevendo  a  terceira coluna sobre  o monarca Acaz em ' os altares ' .

Significar traduz como um entendimento profundo sobre o nome de uma  pessoa em questão de forma mais cabal possível, cada realidade revela uma realidade conectada aquele ponto de vista , categoricamente  introduz   uma mentalidade real.

Alteradamente ser um soberano envolve ver toda forma de necessidade existente ou ainda que seja também imaginária ou uma forma de fugir da realidade

Legalmente o soberano Acaz usa a harpa como forma de alongamento mental e de autoconhecimento particular e exato nas devidas proporções , bem um músico também é um sonhador dizia o músico espanhol Javier Ruibal com extrema razão e mentalidade das eras.

Temerariamente o soberano dedicou assim um tempo para os desafios concretos da existência como uma partitura musical onde as notas obedecem uma sequência.

Assim o poder segue uma boa dinâmica com elementos dosados de verdade e fragmentos de dúvida, nisso o rei tem certo grau de razão, concordo que nem sempre age com sabedoria.

Realmente o soberano  Acaz tinha que lidar com as intrigas palacianas e também com as nuances do poder em apreço , essas nuances nunca são terminadas ou criadas sem a mínima vontade política de um soberano indefeso como um rato diante de um leão.

E o significado do seu nome chama a atenção  inicialmente e de forma bem irônica e cabal , naturalmente sua cultura também chama a atenção por depender de outros para ascender.

Simbolicamente ele pode representar inúmeras coisas bem relevantes á respeito da polifonia da vida, e considerando todos eventos desde o seu nascimento  até seu fim foi tudo bem acidentado.
JessePensador
Enviado por JessePensador em 24/11/2019
Reeditado em 24/11/2019
Código do texto: T6802584
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
JessePensador
Santana de Parnaíba - São Paulo - Brasil, 35 anos
993 textos (9554 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/01/20 11:01)