Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Esquerda precisa dos 4 anos de Bolsonaro

Se houver estratégia política por parte da esquerda no Brasil, ela não fomentara' processos de impeachment contra Bolsonaro ou desgastes que levem a isto.

As razões são várias e simples:

a) Mourao sempre se apresentou como disponível e para assumir a presidência, sempre se colocando como uma alternativa moderada e mais sensata que Bolsonaro. Os filhos do presidente mesmo não confiam nele.

Mourao seria uma liderança muito mais forte e respeitada nas Forças Armadas do que Bolsonaro. Além de muito mais articulado e inteligente que Bolsonaro. Sua aparente moderação não daria margem para escândalos e crises, as mesmas reformas seriam tocadas por ele, mas sem tanto desgaste.

b) Bolsonaro desgasta os radicais e demais apoiadores de direita. Declarações que abusam da inteligência das pessoas e erros políticos táticos desgastam e desmoralizam não só o presidente, como também  aquelas forças políticas que o representam - geralmente antipetistas econtra a esquerda.

c) Os militares podem ter planos mais amplos que acessorar Bolsonaro. Parecem muito suspeitos os furos da segurança do Gabinete Segurança Institucional quanto ao episódio dos 39 quilos de cocaína no avião presidencial ( depois de tantas viagens, uma possivel denúncia...) e do empresário que entrou armado em um congresso com o ministro de Minas e Energia e se matou.

Mourao foi presidente aclamado pelo Clube Militar e muito estimado neste meio. Bolsonaro foi um tenente que causava desordem entre os soldados por questões salariais - as Forças Armadas sempre foram sensíveis a rebeldias de patentes inferiores.

Nenhuma grande mudança no país ocorreu sem apoio direto ou ação direta dos militares sobre a politica ou economia. Mesmo Juscelino precisou que o general Lott o garantisse no governo.

O Brasil carece de instituições democráticas sólidas. Corrupção em todos os niveis de governo e espectros políticos colocam em xeque a capacidade da nossa democracia de solucionar os grandes desafios econômicos e sociais postos.

Mourao assumir seria dar vazão a forças politicas que tem sido protagonistas das grandes transformações nacionais sempre que o pouco de democracia que tinhamos se encontrava em impasse por crises econômicas e políticas.

d) É preciso que a esquerda e setores progressistas assumam este papel de protagonistas destes projetos nacionais ( e não partidários). Para isto é preciso manter a confiança no sistema democrático e evitar convulsões sociais e golpismos baratos.

Lula, mesmo preso, influencia a esquerda e a velha política de alianças escusas que derrubou o PT. Em outras palavras, Lula solto e novas eleições, eles articulam com o Centrão e aplicam a mesma politica econômica que não preparou o país para novas crises.

Lula monopoliza a articulação da esquerda e dificulta o amadurecimento de novos projetos para o país. Se houvessem eleições hoje, o PT ganharia com Lula e colocaria novamente nas costas da esquerda o preço da recessão.

e) As reformas acontecerão com Bolsonaro ou Mourao, só não acontecerão com o povo na rua em massa. Mas não há força o bastante da opinião pública: a Globo e a mídia em geral querem estas reformas.

f) 4 anos serão, ainda que a muito custo, necessários para as pessoas validarem ou não o preço de certas apostas políticas e projetos. A queda de Bolsonaro e Mourao juntos daria munição para revanchismos, messianismos ou coisa pior.

Enfim, não deixar Bolsonaro cumprir estes 3 anos e meio que faltam é desgastar a democracia e abrir caminho para forças autoritárias que sempre se julgaram no papel de tutelar a política e protagonizar mudanças importantes.
Wendel Alves Damasceno
Enviado por Wendel Alves Damasceno em 05/07/2019
Código do texto: T6689265
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wendel Alves Damasceno
Barbacena - Minas Gerais - Brasil
311 textos (9822 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/19 04:40)
Wendel Alves Damasceno