Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOBRE A NATUREZA DE JAIR BOLSONARO E DE SEU GOVERNO NO BRASIL.

(Milton Pires)

É uma estupidez, é ridículo discutir se Jair Bolsonaro é de “Esquerda ou de Direita”, se ele é a favor da “Democracia” ou da “Ditadura”, se ele “representa” ou “não representa” o Exército no Governo ou se ele “é ou não é fascista”.

Jair Bolsonaro NÃO é de Esquerda nem de Direita, ele não é contra nem a favor da Democracia ou do Regime Militar. Acima de tudo ele NÃO é fascista. Fascismo não tem absolutamente NADA a ver com ele.

Todo ordenamento, toda visão de mundo material de Jair Bolsonaro, se fundamenta na Polícia; não nas forças Armadas de onde ele veio.

Ele não procura “inimigos” dentro de seu governo. Procura “criminosos”, “traficantes” e “vagabundos” - essa é a visão da estrutura da realidade que ele tem.

Jair Bolsonaro é a banda podre da Polícia do Rio de Janeiro – é a Milícia. Toda estética de relacionamento político dele é isso.

A ordem transcendental, a “visão do além” de Bolsonaro, tem por conceito básico a “relação direta dele com Deus sem intermediário nenhum” - é por isso que ele é um evangélico fanático.

Bolsonaro é, como eu venho sustentando há tempos, um Miliciano Evangélico do Rio de Janeiro. Só isso.

Não há identificação NENHUMA entre ele e o STF, entre ele e o Congresso ou entre ele e o Exército. Ele está só: é uma espécie de Collor apoiado por Olavo de Carvalho.

O Exército, cuja figura de representação efetiva é hoje Hamílton Mourão, está muito, muitíssimo mais próximo do MDB do que de Bolsonaro e o apelo desesperado, a bajulação dos bolsonaristas em desespero que procuram no General Petista Eduardo Villas Boas o pensamento do Exército Brasileiro, é patético.

Não há "pensamento" algum do Exército Brasileiro - o Exército no Governo Bolsonaro vai fazer exatamente aquilo que fez no Governo Dilma - aquilo que é melhor para ELE; não para o Brasil.

O que Bolsonaro fez foi se aproximar de Olavo de Carvalho – esse sim, um expoente do pensamento conservador e um gênio da filosofia incompreensível para 99% dos brasileiros – para tentar encontrar uma base ideológica capaz de enfrentar a Revolução Cultural Petista.

Olavo é agora um ex-filósofo. O que ele diz em Política é absurdo e não é suficiente para sustentar o Governo do “Mito” nem qualquer outro governo. Ele ataca tudo e todos que estão pela frente e, seguramente deve estar sendo, de alguma forma, beneficiado pelos filhos do Presidente cuja capacidade de entender as coisas que ele escreveu é, eu lhes garanto, absolutamente NULA.

Cabe à população brasileira, desesperada para ver-se livre do PT, entender que Bolsonaro NÃO a representa e parar de encontrar desculpas e responsáveis para as barbaridades que ele faz. Ele, por conveniência (não por convicção), associou-se ao Congresso e ao STF para soltar Lula e destruir a Operação Lava Jato. O Exército vai ficar só olhado.

O resto todo mundo já sabe como vai ser.

Porto Alegre, 20 de outubro.
cardiopires
Enviado por cardiopires em 20/10/2019
Reeditado em 20/10/2019
Código do texto: T6774385
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
cardiopires
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 49 anos
370 textos (14438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 23:41)
cardiopires