Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEA-CULPA NO PAÍS SEM FUTURO

Nesta sexta (5), ao jornal Folha de S. Paulo, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC) assumiu sua mea-culpa por não ter votado em Fernando Haddad em 2018.
A verdade é sabida: a situação atual do país é resultante do momento em que o golpista Aécio Neves não aceitou sua derrota para Dilma Rousseff nas eleições de 2014.
Assim: Aécio e o PSDB conspiraram, abertamente, no Congresso Nacional para derrubar Dilma.
E dessa forma o país ficou ingovernável com a total oposição do Congresso comandado por Eduardo Cunha.
E o pior, os tucanos apoiados pela oposição e elite apoiaram o golpe branco travestido de Lava Jato.
A propósito, a Lava Jato, como partido político, agiu para destruir o PT.
E em meio a essa situação, Jair Bolsonaro foi eleito presidente com uma coalização de militares, evangélicos e partidos conservadores...
Quanto a FHC, a verdade é que ele se reelegeu presidente ao comprar deputados e senadores em 1997.
Na verdade, ele não é o mocinho da história como gosta de parecer.
E para quem não sabe, na gestão FHC aconteceu uma das maiores fraudes de nossa história republicana recente.
Ou seja, FHC vendeu a valiosa Cia Vale do Rio Doce por míseros R$ 3,3 bilhões.
Seu valor de mercado à época era de R$ 450 bilhões.
Pois bem, uma coisa precisa ficar bem clara, FHC e seu partido fizeram o pior programa de privatização de nossa história.
Essa é a verdade dos fatos, ou melhor, o tucanato reúne um segmento da elite brasileira que predatoriamente tem destruído o país há muito.
E lamentavelmente, a grande mídia, que tem rabo preso, assistiu tudo em silêncio e não fez uma apuração dos fatos como se esperava.
Para que não haja dúvida, o tucanato assim como Bolsonaro defendem o neoliberalismo, que nada mais é do que o Estado mínimo.
No neoliberalismo, o governo reduz os gastos públicos e não se compromete com a cidadania, com os mais pobres e com os trabalhadores e suas demandas.
O mais importante é a busca pelo lucro ao máximo, aliás, esse é o objetivo final do capitalismo neoliberal.
Quanto a Bolsonaro: é um governo disfuncional, que não prioriza vacina, educação, saúde e inclusão social, aliás, seu objetivo é armar a população.
Quanto aos jovens e velhos, ninguém pode negar que o país não é atrativo para eles, afinal, aqui sobra violência, desemprego e total falta de perspectiva.

REFERÊNCIA
https://www.poder360.com.br/.../entenda-como-foi-a.../
https://www.gazetadopovo.com.br/.../governo-fhc-comprou.../
https://blogs.oglobo.globo.com/.../no-pais-em-que-faltam...
https://gauchazh.clicrbs.com.br/.../nossos-filhos-querem...
https://epoca.globo.com/.../coluna-brasil-um-pais-sem...
https://www1.folha.uol.com.br/.../04/trilhos-tucanos.shtml
https://www1.folha.uol.com.br/.../decretos-de-alckmin-no...
https://www.em.com.br/.../michel-temer-foi-denunciado...
https://veja.abril.com.br/.../pgr-denuncia-aecio-neves.../
Realismo
Enviado por Realismo em 06/03/2021
Reeditado em 07/03/2021
Código do texto: T7199703
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Realismo
São Paulo - São Paulo - Brasil
157 textos (8455 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/04/21 14:34)