Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na pessoa do meu amigo e motorista, Silvio Jeremias, a minha homenagem a todos os motoristas em seu dia, 25 de julho.
(Foto do meu arquivo pessoal)



*** 25 DE JULHO DIA DO MOTORISTA. ***
 
Apesar de ser um cobrador, todos nós somos motoristas.
Não esqueça de facilitar o troco, o seu cobrador agradece.
O fiscal (despachante), ordenam as ações dos motoristas.
A manutenção dá boas condições veicular aos motoristas.
O almoxarifado compra as peças, zela pela boa qualidade.
A administração dirige o “RH” dando a ele mais vitalidade.
O financeiro tem que ter recursos para que tudo funcione.
Sem os aportes financeiros todo o sistema entra numa fria.
É uma pena que esse APORTE financeiro, ainda não chegou.
Quem é rodoviário da TCB, há 3/anos sem aporte financeiro.
Um coletivo não se dirige sozinho, precisa de um motorista.
Agora entra os que se sentem os donos, seu dono, os caras.
Eles não te ouvem, são arrogantes, não aceitam sugestões.
Esperamos que no futuro hajam homens pra dizer; basta!!!
Quando se fala em salários, eles querem nivelar por baixo.
Pois o nosso sindicato não se manifesta, já não é o mesmo.
Quem venera ser rodoviário veste a camisa, ama o usuário.
Pra quem não sabe, é o usuário que bancam nossos salários.
Seja cordial com os usuários, ele não é passageiro é usuário.
Trate bem a todos, os cadeirantes, os deficientes, os idosos.
As gestantes e todas as pessoas com necessidades especiais.
Os deficientes visuais têm direito de andar com seu cão-guia.
Todos os coletivos têm assentos preferências, respeite-os.
Ceda o seu lugar para pessoas idosas e com criança de colo.
Quando os assentos preferências estiverem todos ocupados.
Seja bem breve ao tocar a campainha, um sinal já é suficiente. Suba ou desça com cuidado, a pressa é inimiga da perfeição.
Gere gentileza não te custa nada, seja solidário, seja cortês.
Dê todas as informações quando lhe forem solicitadas, ajude!
Respeite o seu motorista como gostarias de ser respeitado.
Todo motorista sabe que o direito de ir e vir é magno, é lei.
Hoje é o dia do motorista, para todos; as nossas felicitações.
Pena que não existe nadinha para se comemorar nesta data.
Um dia teremos o Dia dos Rodoviários, uma data nacional.
Sendo assim; toda sociedade rodoviária ficaria agradecida.
Fica aqui a dica, para que os parlamentares, pensem na lei.
Desejamos a todos os motoristas que o seu dia seja de paz.
Afinal, gentileza gera mais gentileza, felicidades a todos….
 
 
 
*****************************************
 
 
      Quando eu comecei a compor essa homenagem era pra ser específica para homenagear os meus amigos motoristas, no seu dia 25 de julho, mas, acabei enveredando por um caminho mais longo, na verdade acabou virando uma homenagem a toda a comunidade rodoviária e aos nossos usuários, que não tem nada de passageiros são usuários diários, que de um forma ou de outra fazem parte da nosso dia a dia.
      Todos sabem quem é rodoviário tem que vestir a camisa, somos rodoviários, somos os primeiros que levantamos, somos os últimos que vamos dormir, uma empresa de ônibus funciona 24 horas por dia, nos 364/365 dias por ano, ser rodoviário é um dom nato, nós sim praticamos o direito constitucional de ir e vir.
      As nossas autoridades de plantão deveriam olhar com mais carinho para essa categoria de guerreiros que literalmente carregam o país nas costas, quem é rodoviário o faz com muito carinho tem prazer de ser rodoviário independente da sua função que ocupa na empresa, no administrativo, no almoxarifado, na manutenção ou mesmo no tráfego todos nós somos motoristas...
 
 
José Aprígio da Silva.
“Lorde dos Acrósticos”
Stenius Porto.
“Dom Lorde”
Ceilândia/DF.
Sexta-feira, 21 de julho de 2017 – 11:39.

 
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Enviado por JOSÉ APRÍGIO DA SILVA em 21/07/2017
Reeditado em 25/07/2019
Código do texto: T6060788
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 61 anos
1921 textos (183121 leituras)
1 áudios (52 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/04/21 15:10)
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA