Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUEM TE DEFINE?

Quem é você? Melhorando a pergunta: quem ou o que faz com que você seja você? Entendeu a questão ou são muitos *vocês* para entender? Bem, talvez nós vivamos em um mundo onde se mais cria rótulos e identidades para as pessoas. Então, por exemplo, a pessoa que sente atração sexual por outra do mesmo sexo é o gay ou a lésbica para os politicamentes corretos e bichona ou sapatão para os não politicamentes corretos. O inclinado para uma política mais de esquerda é o comunista para os politicamentes corretos e os esquerdopatas para os não politicamentes corretos. O pobre é o carente para os politicamentes corretos e os pé rapados ou escórias da sociedade para os não politicamentes corretos. O negro é o afrodescendente ou vítima racial para os politicamentes corretos e raça inferior, macacos, etc, para os imbecis. Enfim, os rótulos sejam eles bons ou ruins partem tanto de grupos que se consideram vítimas como daqueles que são taxados de agressores. No meu modo de enxergar a vida e, minhas lentes são as escrituras sagradas, tanto os politicamentes corretos como os não, erram em suas definições ou na melhor das hipóteses se equivocam nelas. Vejam: Quando a bíblia diz que em Cristo somos novas criaturas, Deus não mais nos define por meio de identidades daquilo que definimos ou definiram de nós. Não. Em Jesus, não existe mais identidades além da paternidade divina. Não há gregos, judeus, brasileiros, angolanos, ricos, pobres, lulistas, bolsonaristas, negros, brancos, héteros, homos, gordos, magros, etc. Tudo isso não passa de esteriótipos humanos e como humanos que são, criam distorções da criação. Sabe por quê? Porque em Deus embora alguém possa dizer que isso tbm seja um rótulo, somos definimos como sendo seus filhos e filhas amados por ele. Este é um privilégio que nenhum grupo das chamadas políticas identitárias consegue fazer por você. Desculpem, mas não há definição melhor que esta. "Ah, mas não acredito em Deus, poderia dizer alguns." Ok. Então será que você consegue encontrar no ateísmo, niilismo, na filosofia, ciência, tecnologia ou em qualquer religião do mundo que parta dela para os homens e não de um ser transcendental (Deus no caso) algo melhor de definição? DÚVIDO. Por isso, e para finalizar, não se deixe rotular. Você em Deus é mais que sexo com uma pessoa do mesmo ou de outro sexo, mais que riqueza ou pobreza, mais que comunismo ou capitalismo, negro ou branco, e assim por diante. Em Deus (preste atenção no *Em*) você é chamado a ser filho (a) na mais essência da palavra e não um mero rótulo ou esteriótipo.
Danilo D
Enviado por Danilo D em 28/11/2019
Reeditado em 28/11/2019
Código do texto: T6806164
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Danilo D
São Paulo - São Paulo - Brasil, 41 anos
1359 textos (31016 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/01/20 20:54)
Danilo D