Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LISBOA LITERÁRIA

                               
                          ''SÁBIO É O QUE SE CONTENTA COM O ESPETÁCULO DO MUNDO''.
                                            RICARDO REIS


     Caminhar por LISBOA...
 Uma riqueza registrada por um roteiro literário que explora e vivencia
um clima de sensibilidade artística ,de emoção que une o velho ao novo
dando um toque de imortalidade e modernidade .
  Um itinerário surpreendente com paisagens , monumentos , valores culturais envoltos por um som nostálgico e doce : o FADO .
 
                           FADO
                      É isto o fado:
                      Uma saudade esquisita
                      e um verbo que hesita
                      entre a rima e o passado.
                                       Fernando Tavares Rodrigues

  No topo do TEATRO D. MARIA ,o guardião e criador do teatro popular português , GIL VICENTE :
         
            ''Mil cousas ando a buscar:
             delas não posso achar ,
             porém ando perfiando ,
             por quão bom é perfiar .''
       
                                      Gil Vicente

   Como se trilhássemos a rota dos ''momentos '' literários , descobriremos no LARGO CAMÔES , a PRAÇA LUÍS DE CAMÔES , uma
presença que ainda inspira a visão de LISBOA como uma PRINCESA
[OS LUSÍADAS].
  No túmulo CAMÔES impõe uma beleza reveladora de sentimento e razão como em seus sonetos :

         ''Amor é fogo que arde sem se ver
          ............................................
          É um não querer mais que bem querer ;''

                                       Camões

  Partindo da PRAÇA MARQUÊS DE POMBAL em direção à AV. da LIBERDADE sentiremos a cada passo o pensamento romântico dos
autores : CASTILHO , GARRETT e HERCULANO .

             ''Doce era a voz de Inês , maga , sublime
              na harmonia e no afeto ;''
                                    Castilho
         
              ''Não te amo , quero - te: o amor vem da alma
               E eu na alma   -   tenho a calma ,''
                                      Garrett
 
               ''Embora eu te não veja
                Neste ermo pedestal ;
                És santa , és imortal ;
                Tu és a minha luz!
                                    Herculano

  A RUA GARRETT presenteia os visitantes com bares , cafés , livrarias que permitem a realização de um sonho  -  ''viajar'' através dos livros e lugares , descobrir e sentir a história , transpor o passado para o presente e...é isto que se sente junto à estátua de FERNANDO PESSOA e no CAFÉ À BRASILEIRA !
  CHIADO - entre a BAIXA e o BAIRRO ALTO - as homenagens a ANTONIO DO ESPÍRITO SANTO [séc. XVI ] e , ainda em direção à BAIXA , a sensualidade feminina que acompanha o pensamento realista e positivista de EÇA DE QUEIRÓS .
Um paralelo entre  VERDADE / FANTASIA .
 
 A era moderna continua no LARGO de SÂO CARLOS pela DUQUE DE BRAGANÇA ,número 4 , hoje TEATRO SÂO CARLOS antes berço de PESSOA . No muro lateral sua presença una .
Morreu  no BAIRRO ALTO e como uno e múltiplo descansa no PANTEÂO NACIONAL - MOSTEIRO DOS JERÔNIMOS .
Múltiplo pelos heterônimos que assinalam seu túmulo :
- no centro , RICARDO REIS :

                  ''Para ser grande , sê inteiro...''

- nas laterais , ALBERTO CAEIRO e ÁLVARO DE CAMPOS , a lápide na vertical...


     JOSÉ SARAMAGO  , um dos mais rigorosos representantes da nova geração da literatura contemporânea , narra , historicamente ,em MEMORIAL DO CONVENTO a construção da gigantesca obra do CONVENTO DE MAFRA no reinado de D. JOÂO V.
    O CONVENTO é uma mistura do barroco da ITÁLIA e da ALEMANHA
são 40.000 m2 e foi construido entre 1717 e cerca de 1770 pelo arquiteto JOÂO FREDERICO LUDOVICE , alemão naturalizado português.
   Ainda em MEMORIAL DO CONVENTO a descrição fantástica da ''PASSAROLA'' - projeto de BARTOLOMEU DE GUSMÂO que representa o mito do próprio ''VOADOR'' - painel lindíssimo no AEROPORTO INTERNACIONAL DE LISBOA ...

      Voar ...partir...voltar... e recordar que ...

   CAMINHAR por LISBOA ...é reviver a ''ARTE da BELA EXPRESSÂO'' dos intelectuais e artistas de alma portuguesa !



                                             
GORET
Enviado por GORET em 10/10/2007
Código do texto: T689293

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (VC DEVE CITAR A AUTORIA DE MARIA GORET CHAGAS e o site www.artgoretchagas.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
GORET
Franca - São Paulo - Brasil, 66 anos
54 textos (7194 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 20:57)
GORET