Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A minha inspiradora

Vida minha,como és ao coração que humilde sofre!
Busquei-a em livros,jornais e não te encontrei...você,esfera que o mundo nela gira e você mulher a que me
faz o coração sentido magoado e dorido busca em ti as dores que pulsam  o coração e traduzem as
mágoas em sentimentos belos em  paixões que sente-se amado mas sofredor  pelo coraçao temer
perdê-la.
Até mesmo as mais belas e lindas mulheres que puxam no samba e enredos no carnavais,você supera pela
tua boca carnuda,pelo teu sorriso e carisma mas mais pelo tesão que provocas .
Sonhador que sou,busco nas madrugadas acordar com espírito elevado e das rosas a que te ofereci,és  a mais bela...ambas por e pelo mesmo Deus formados,você porém flutua às estrelas e brilha ao estrelado da vida,enquanto que as rosas que lhe dei perderam as vidas,
vindo a murchar-se despetalando-se toda.
  Você que a beleza transmite,ainda mais aconchegante,com suas roupas poucas me fazem-me
jovial e  tuas belezas superadas frente as luzes  que se apagam envergonhando-se.
A cada lado que eu  olhe,o ciúme me cresce ,há olhos a te percorrerem o corpo e invejosas a quererem te acompanhar o rítmo que levas na vida, proporcionando alegrias que ao meu coração,alegria vermelha...corre sangue e temor... Creia,estarei sempre a te buscar queira  por romantico ou apenas enamorado...queira dos nossos sonhos a que o meu cobiça,ser gentil e verdadeira mulher minha, que governa ao coração e sentimento do homem fazendo por ti,vibrar e além de pulsar  o coração,fazendo loucuras  à provarem a paixão cega.
E o  ciúme enorme que fere ao meu pobre coração,uma satisfação tremenda dada ao meu viver!
deste que te guarda no fundo do coração,que o amor te almeja sempre!
Uma carreta de beijos
e abraços

Bruno
antonioisraelbruno
Enviado por antonioisraelbruno em 22/06/2008
Reeditado em 25/06/2008
Código do texto: T1046584
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
antonioisraelbruno
Barrinha - São Paulo - Brasil
1962 textos (102472 leituras)
8 áudios (816 audições)
178 e-livros (13463 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/05/21 19:53)
antonioisraelbruno

Site do Escritor