Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEI

Sei
Que  não sou ninguém, e se quer um dia serei.
Que não sou merecedor de seu amor, também já sei...
Sei que você sempre sonhou com algo melhor do que eu, e acredito que você mereça muito mais do que este que “fala”.
Não sou nenhum “burro”, nem mesmo sou tolo para acreditar em fantasias de que amores impossíveis possam dar frutos. Sou homem e como tal tenho minhas “ciências”, e tenho meus valores morais e étnicos, que me fazem saber quando sou o que as pessoas precisam e quando não sou. E sei que não sou quem você precisa, e nem mesmo sou quem você merece...
Amar-te foi meu maior acerto, “embora maior erro”. Foi minha única fonte de inspiração a escrever versos, e a viver minha (até então inútil) vida, e meu erro em te amar foi amar minha “amiga”.
Agora tenho tanto para te dizer, mas se o digo sei que nossas vidas poderão mudar para sempre, e deixaríamos de ser quem somos um para o outro e imortalizaríamos nossa “amizade”.
Por isso sei que não sou quem você merece, sei que sou menos do que qualquer outra pessoa sonhou para si, imagine então você.
E como ser amigo de quem na verdade amo? Ou mesmo como amar minha amiga de forma a não  demonstrar meu verdadeiro amor por ela?--- São constantes perguntas que ecoam dentro de minha cabeça e de meu coração....
Amando estou de forma que eu não deveria amar, não ao menos quem estou amando. E me remôo querendo sair desta situação sem nem ao menos  encontrar uma possível solução.
Quem poderá ajuda-me nesta minha desolada caminhada? Haverá luz ainda para mim nesse túnel de escuridão?
Certo estou que não tenho mais certeza de nada, a não ser que minha vida está minha maior loucura só porque eu amo minha amiga, como se amar minha amiga  fosse algum erro...
poetadosol
Enviado por poetadosol em 01/12/2006
Reeditado em 28/12/2006
Código do texto: T306692
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poetadosol
Tatuí - São Paulo - Brasil, 29 anos
85 textos (9462 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 03:17)
poetadosol