Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Teto disse que eu nunca o amei

Deitada em minha cama, o teto foi minha companhia, meu confidente.
Um pouco triste, mas sem lágrimas nos olhos contei a ele a nossa história, e sabe o que ele me disse?
- Você nunca amou esse homem de quem me confidencia!
Essa frase veio como um punhal, me ofendi, vi meu sentimento reduzido a nada, como poderia eu sofrer tanto por alguém que nunca amei?
E ele me respondeu dizendo
- Na verdade, você amava a idéia de ter alguém ao teu lado, amava estar com teus amigos e com alguém que representasse mais que isto, e que este sentimento não era mérito daquele moço, não dependia dele.
Pensei, talvez tenha razão, afinal, como amar alguém que não me dava atenção, não gostava de estar comigo, de fazer amor comigo, que mentia compulsivamente e eu tinha plena ciência disso?
Deus do céu! Como assim nunca tive amor por ele? Que loucura!
E as lágrimas?
E as noites sem dormir?
Hoje vejo que era a desilusão, a certeza de que não ele quem eu procurava.
Na verdade eu sempre quis alguém que me desse carinho, atenção, e isso eu nunca tive de dele, a única coisa que eu tive foi a companhia e seus roncos noturnos...
Mas caiu em minha cabeça uma chuva de verdades, uma delas é que ele nunca serviu e nunca servirá para mim, e talvez não sirva para ninguém que queira amor, e a outra, a mais inusitada, é que eu nunca o amei.
Quando me dei conta disso, a dor que eu sentia se foi, e a vontade de saber dele pegou carona com a dor.
Perdi alguns minutos pensando...ainda deitada balancei os ombros, virei para o lado e dormi, e desta vez não tive sonhos.
FATIMA AFONSO
Enviado por FATIMA AFONSO em 27/02/2007
Reeditado em 07/03/2015
Código do texto: T395514
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
FATIMA AFONSO
São Paulo - São Paulo - Brasil, 41 anos
58 textos (37318 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 18:03)
FATIMA AFONSO